05 janeiro 2020

Como organizar as finanças pessoais em 2020? Descubra 5 dicas infalíveis!

05 janeiro 2020


Organizar as finanças é uma tarefa que requer paciência, dedicação e foco, mas que garante muitos benefícios para quem consegue manter a disciplina.

Se você precisa de ajuda nessa missão e busca melhorar o seu relacionamento com o dinheiro, selecionamos 5 dicas valiosas para colocar suas finanças em ordem esse ano.


Como organizar as finanças pessoais em 2020? Descubra 5 dicas infalíveis!


1 – Categorize suas despesas


Faça uma lista com todas as despesas mensais que são essenciais para manter a sua casa e a sua vida funcionando. 

Aluguel, internet, academia, faculdade e plano de saúde são exemplos de gastos fixos, que não mudam conforme seu consumo mensal.

Já supermercado, gasolina, conta de água, luz e gás são gastos básicos, mas que variam de acordo com o consumo.

Vale lembrar que cada pessoa possui um estilo de vida diferente, portanto cabe a você determinar quais custos são fundamentais no seu dia a dia.

A partir da sua lista, você passará a reservar a quantia necessária de cada despesa logo após receber o seu salário.

O objetivo aqui é planejar as contas antes que elas aconteçam e assumir a direção que seu dinheiro está tomando, e não deixar ser controlado por ele.

Para facilitar essa separação, você pode utilizar a técnica dos envelopes que funciona assim: destine um envelope para cada conta, anote o nome dela na parte da frente e dentro coloque a quantia correspondente a ela.

Dessa maneira você sentirá que tudo está ao seu alcance. Além disso, você não corre o risco de ficar sem dinheiro para pagar algo importante. Decidindo no início você evita surpresas no fim do mês e não deixa de honrar seus compromissos financeiros.

Adquirindo essas práticas você consegue observar o quanto do seu salário está destinado apenas aos itens básicos e pode analisar maneiras de economizar.

Por exemplo, anotar o que está faltando na dispensa antes de ir às compras é ideal para não esquecer algum produto ou evitar comprar algo desnecessário.

Você pode ainda substituir marcas mais caras por mais baratas, dê chance a outras que até agora não experimentou.


2 – Planeje cada passo


Para realizar seus sonhos é indispensável ter uma vida financeira organizada, afinal, maioria deles precisa de dinheiro para acontecer.

Você deve se preocupar com o futuro agindo no presente. Isso significa que cada novo passo seu tem que ser planejado.

Adquirir um bem, fazer algum curso, viajar, casar, ter filhos. Nada mais pode ser feito sem um plano devidamente estabelecido.

Para fazer um planejamento é necessário definir um objetivo, deixando bem claro o que você pretende alcançar e determinando os meios para atingi-lo.

Aqui no blog tem um post completo ensinando como fazer um planejamento financeiro pessoal ou familiar em apenas 2 passos muito simples, recomendo a leitura para você entender melhor como funciona. 

Com ele você também aprende a priorizar seus gastos, pois quando se trata de alcançar os seus objetivos, nenhum dinheiro pode ser desperdiçado. É hora de analisar o que realmente é essencial em sua vida e o que não fará falta se for eliminado.

Um plano também serve para projetar situações futuras e se preparar para imprevistos que precise de dinheiro urgente.


3 – Poupe para reservas


Em caso de situações emergenciais, você não pode contar com a sorte, ou pior, fazer novas dívidas para resolvê-las, comprometendo seu salário.

Para isso não acontecer, você precisa ter uma reserva destinada a emergência. Isso faz parte de uma vida financeira organizada.

Ficar sem emprego, problema de saúde ou viagem urgente são cenários que não podemos prever.

Determine uma quantia para a sua reserva e poupe mensalmente até obter o valor definido. Você pode fazer um plano para essa meta também.

Assim, se algo acontecer você não ficará desesperado nem ser pego totalmente de surpresa.

4 – Envolva sua família


É ideal engajar todos os integrantes da família e incentivá-los a participarem das finanças domésticas.

Não tente resolver tudo sozinho, economizar nas contas ou guardar dinheiro. Cada um deve colaborar, como uma equipe.

Pelo menos uma vez por mês, reúna os membros da família para discutir e conversar sobre o tema. Deixe-os saber como anda a situação em casa.

Vale ainda promover uma conversa onde todos possam compartilhar seus sonhos, sejam eles pequenos ou grandes, em curto, médio ou longo prazo.

Dessa maneira todos podem analisar alternativas de como realizar cada um deles, para que um ajude o outro e veja a importância da união familiar diante desses assuntos. 


5 - Invista em você!


Falamos sobre cortar gastos, poupar, planejar, mas você também deve saber utilizar o seu dinheiro para o lazer e bem-estar.

É fato que é preciso ter prioridades, mas a vida não se resume apenas em pagar contas, acumular bens e guardar dinheiro.

Esse pensamento pode parecer um pouco contraditório, mas uma vez que você planeja e aprende a priorizar, é possível se divertir também.

Pense no futuro, mas saiba viver o presente. O dinheiro é apenas mais um meio para que possamos viver melhor, basta entender como lidar com ele.

Para isso, invista também em educação financeira, pois o conhecimento é a base do sucesso da sua vida. E não se esqueça de colocar em prática o que você aprender!

Gostou das dicas? Deixe seu comentário! Vou amar ler e responder você <3

Me acompanhe no Pinterest: @amandaseveroblog
Siga o perfil do blog no Instagram: @amandaseveroblog
Também estou no Linkedin: Amanda Severo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os direitos reservados © Desenvolvido por Lorena Alves